A gasolina subiu pela oitava semana seguida e tem novo recorde, diz a Agência Nacional do Petróleo

06/01/2017- São  Paulo- SP, Brasil- A Petrobras anunciou na noite de quainta-feria (05), o aumento de 6% do diesel nas refinarias. O novo valor vale a partir de hoje. Segundo a estatal não haverá reflexos no preço da gasolina; nas bombas, o diesel pode subir 3,8% ou cerca de R$ 0,12 por litro, em média. Foto: Fernanda Carvalho / Fotos Públicas

FONTE: O SUL – http://www.osul.com.br/

O preço médio do litro da gasolina chegou a 3,887 reais na última semana, segundo levantamento da ANP (Agência Nacional do Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis). Foi a oitava semana consecutiva de alta, e o valor mais alto registrado pela ANP neste ano. A pesquisa levou em conta os preços cobrados dos consumidores em 3.168 postos pelo País.

O Diesel também registrou alta no período, para 3,362 reais por litro, o quarto aumento semanal consecutivo. Já o etanol teve queda, indo de 2,637 reais para 2,628 na última semana, de acordo com levantamento feito em 2.858 postos.

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira que vai reajustar o preço da gasolina nas distribuidoras em 1,5% a partir de terça (10). O valor cobrado pelo diesel cairá em 1,3%.

A mudança faz parte da política da estatal anunciada em junho, que permite reajustes diários no preço das refinarias para equipará-los aos do mercado internacional. Desde então, houve aumento de 8,6% na gasolina e 13,6% no diesel pago pelos distribuidores, segundo os dados da Petrobras. A alta na gasolina foi o principal impacto na inflação de setembro, de acordo com o IBGE.

Recuo nos Estados

O valor médio da gasolina vendido nos postos brasileiros recuou em 17 Estados brasileiros e no Distrito Federal na semana passada, segundo dados da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), compilados pelo AE-Taxas. Na média nacional, no entanto, houve uma leve alta na semana passada nos postos, de 0,08%, para R$ 3,887 o litro, devido a reajustes em São Paulo e no Rio De Janeiro. Em outros nove Estados brasileiros houve recuo nos preços do combustível de petróleo.

Em São Paulo, maior consumidor do País e com mais postos pesquisados, o litro da gasolina subiu 1,53% na semana passada, de R$ 3,668 para R$ 3,724, em média. No Rio de Janeiro, o combustível saiu de R$ 4,202 para R$ 4,218, em média, entre os períodos, alta de 0,38%. Em Minas Gerais houve queda média no preço gasolina de 0,55%, de R$ 3,983 para R$ 3,961 o litro.

Comentários