Com três desfalques confirmados, o Grêmio intensifica os preparativos para o jogo contra o Fluminense, no domingo. Objetivo é retomar a vice-liderança do Brasileirão

FONTE: O SUL – http://www.osul.com.br/

Com uma semana inteira à disposição para se preparar para o duelo contra o Fluminense no próximo domingo, em casa, pela vigésima-sexta rodada do Campeonato Brasileiro, o grupo do Grêmio voltou a trabalhar na manhã dessa quinta-feira no centro de treinamentos Luiz Carvalho, no complexo esportivo da Arena.

Assim como ocorreu no treino da tarde anterior, os jogadores Luan, Lucas Barrios, Fernandinho, Michel e Edílson trabalharam em separado dos demais colegas. Os três primeiros apenas correram em volta do gramado, enquanto Michel e Edílson permanecendo na academia do clube, sem ir a campo.

Já o meia Douglas, liberado pelo departamento médico, treinou sob a orientação do preparador físico Rogério Dias. Ele não disputa uma partida desde o início de fevereiro, quando sofreu ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo, durante uma partida do Gauchão. O seu retorno pode acontecer em breve, embora ainda não haja uma previsão exata.

Renato Portaluppi comandou uma atividade técnica em campo reduzido, com o grupo dividido em três times distintos que se revezavam no confronto. A escalação para o embate contra o tricolor carioca de Abel Braga só deve ser confirmada no dia da partida, mas é certo que o time terá os desfalques do volante Michel e dos zagueiros Bressan e Walter Kannemann – os três estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo.

Já Pedro Geromel trabalhou normalmente e está à disposição para a defesa. Ao seu lado, a opção pode ser o reserva Rafael Thyere, que recém renovou o contrato com o clube gaúcho até dezembro de 2020.

Terceiro colocado na tabela, com 43 pontos, o clube do bairro Humaitá precisa de uma vitória, combinada a resultados paralelos, para reassumir a vice-liderança (assumida na rodada passada pelo Santos, que soma 44 pontos) e tentar reduzir a sua distância para o Corinthians, primeiro colocado, 11 pontos à frente do time de Renato.

Convocações

Além do atacante Michael Arroyo, convocado pela Seleção do Equador para as Eliminatórias sulamericanas da Copa do Mundo de 2018, o seu colega de posição Lucas Barrios voltou a ser chamado para defender o Paraguai no torneio. Os dois últimos compromissos da equipe são contra Colômbia e Venezuela.

Com 21 pontos conquistados, o Paraguai ocupa a sétima colocação na disputa, três pontos atrás da Argentina – que hoje disputaria a repescagem. O jogo contra a Colômbia será realizado em Barranquilla, no dia 5 de outubro, e na última rodada (dia 10), o time treinado por Arce (ex-zagueiro do Grêmio) joga no Defensores del Chaco contra a Venezuela, atualmente na lanterna.

Com 18 marcados pelo Tricolor gaúcho nesta temporada, o artilheiro (que nasceu na Argentina mas se naturalizou paraguaio) representou o seu país no Mundial de 2010, disputado na África do Sul.

Além desses dois atletas, Luan – que se recupera de lesão muscular – também tem sido relacionado pelo técnico Tite para a Seleção Brasileira. Caso ele volte a ser chamado na próxima convocação, no mesmo período, o Grêmio experimentará a inusitada situação de perder momentaneamente três atacantes para três diferentes países.

Comentários