Indiciado por 14 homicídios, principal líder do tráfico de drogas na Zona Norte de Porto Alegre é preso pela Polícia Civil

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta sexta-feira (07), o principal líder do tráfico de drogas na Zona Norte de Porto Alegre. Foragido desde 2014, o bandido, conhecido como Xandão, foi indiciado por 14 homicídios e tinha contra si cinco mandados de prisão preventiva expedidos pela Vara do Júri da Capital gaúcha.

Também foi preso preventivamente o irmão do criminoso, que estava com com uma pistola Glock 9mm. As prisões ocorreram em um sítio na zona rural de Arroio dos Ratos, na Região Carbonífera do Estado. A ação é um desdobramento da Operação Fantasma.

Segundo o delegado Cassiano Cabral, o líder do tráfico atuava no bairro Sarandi e na Vila Nazaré e era responsável pela distribuição e armazenamento de drogas em boa parte da Zona Norte de Porto Alegre. O diretor da Divisão de Homicídios, delegado Gabriel Bicca, ressaltou a importância da prisão do criminoso, um dos mais procurados pela Polícia Civil gaúcha.

Fronteira Oeste

Após denúncias envolvendo a venda de drogas a estudantes na área central de Santana do Livramento, na Fronteira Oeste do Estado, a Polícia Civil prendeu, na noite de quinta-feira (06), um homem de 37 anos. A venda de drogas era feita pelo criminoso no entorno de uma escola e de uma universidade. Os policiais flagraram o momento da venda de maconha a dois usuários. O traficante é uruguaio e tem diversos antecedentes criminais no seu país.

Comentários