Operação combate o tráfico de drogas e a guerra entre facções no Litoral Norte gaúcho

FONTE: O SUL – http://www.osul.com.br/

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) do Ministério Público e a BM (Brigada Militar) deflagraram, na manhã desta quinta-feira (14), a Operação Madre Teresa para combater o tráfico de drogas no Litoral Norte gaúcho.

Foram cumpridos 14 mandados de prisão preventiva e 16 mandados de busca e apreensão em Santo Antônio da Patrulha, Osório, Canoas e Glorinha. A ação foi realizada após investigações sobre a guerra do tráfico entre duas facções em Santo Antônio.

Durante as apurações, que prosseguiram por dois meses e tiveram o apoio da Polícia Civil, 13 pessoas foram presas em flagrante por tráfico de drogas, tentativa de homicídio, porte ilegal de armas e receptação de veículo. Todas as prisões em flagrante foram convertidas em preventivas. Quatro adolescentes foram apreendidos por tráfico e porte ilegal de armas.

Histórico

Entre os dias 29 de maio e 5 de junho, cinco assassinatos ocorreram em Santo Antônio da Patrulha em virtude da disputa do tráfico no bairro Madre Teresa por duas facções.

Durante os meses de maio e junho, houve toque de recolher na cidade, com a circulação de áudios por WhatsApp em que os traficantes das facções diziam que iriam matar quem tentasse invadir seus respectivos territórios.

Também houve ameaças de invasão aos apartamentos de um condomínio popular. Foi encaminhado reforço no policiamento ostensivo, que conseguiu evitar que os fatos se concretizassem.

Comentários